sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Religiosos criticam revista que mostra Neymar em uma cruz

Revista "crucificou" jogador para
defendê-lo da pecha de "cai-cai"

Católicos e evangélicos criticaram nas redes sociais a capa da Placar onde Neymar aparece crucificado. A acusação é de que a revista foi desrespeitosa e sensacionalista para com a religião ao fazer uma comparação entre o jogador e Jesus.

Placar “crucificou” o jogador em uma fotomontagem para defendê-lo da pecha de “cai-cai”, uma crítica injusta, segundo a revista, porque no futebol brasileiro “todos jogam sujo”. 

Placar publicou em seu site uma nota pedindo desculpas a quem se sentiu ofendido, mas ressaltou que se trata de uma ilustração sem conotação religiosa. “A crucificação é um método histórico de execução pública”, diz. 

Com informação do Estadão

Nenhum comentário:

Postar um comentário