quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Pastores afirmam que David Yonggi Cho foi engando pelo filho

Pastores afirmam que David Yonggi Cho foi engando pelo filhoPastores saem em defesa de David Yonggi Cho: "Não julguem"
Aos 78 anos de idade, a notícia de que o pastor David Yonggi Cho foi condenado a prisão por desvio de dinheiro surpreendeu grande parte da comunidade cristã mundial. Conhecido por seus livros e por ter fundado a maior igreja do mundo (em membros), Cho estava afastado do púlpito há cinco anos.
Os 12 milhões dólares desviados da igreja através de uma compra fraudulenta de ações acabou levando o pastor e seu filho Hee-Jun, aos tribunais sul-coreanos.
Contudo, vários pastores estão saindo em defesa de Cho. Bob Rodgers, pastor do Centro de Oração Evangélico Mundial, no Kentucky, é um amigo íntimo de Cho há mais de 30 anos. Ele emitiu uma “carta aberta” dando maiores detalhes sobre o caso, pois acredita que muitas informações erradas foram divulgadas.
Hee-Jun é o filho mais velho de Cho, ele foi julgado no mesmo dia e condenado a três anos de prisão. Saiu do tribunal diretamente para a penitenciária e já cumpre a pena.  Para Rodgers, ele é culpado de ter enganado o pai.
“Cho tem três filhos. O segundo e o terceiro são muito ativos no trabalho dos ministérios ligados à Igreja. Mas o filho mais velho sempre deu trabalho. Foi casado quatro vezes e se envolveu em escândalos sexuais com mulheres famosas na Coreia…  Além disso, já havia cumprido pena por fraudes na área de investimentos e peculato. Sua vida de escândalos sempre foi uma vergonha para sua família e a igreja.”, assevera o pastor Rodgers.
Foi Hee-Jun quem vendeu para a igreja 250.000 ações com preços quatro vezes maior que o valor de mercado. Isso foi em 2002, Cho ainda era o pastor da igreja. Confiar na palavra do filho foi o grande erro. David não leu as centenas de páginas de documentos, apenas apresentou ao conselho da igreja e assinou o papel. “Ele nunca recebeu qualquer dinheiro da transação”, esclarece o pastor Rodgers, que está pedindo que as pessoa não julguem um homem de Deus que foi enganado pelo filho.
No entanto, o Ministério Público da Coreia do Sul, apresentou uma versão diferente na qual um grupo de líderes da Igreja de Yoido estaria ciente e seria cúmplice do esquema. Eles afirmam que o pastor Cho tentou com isso ajudar o filho a recuperar as grandes perdas que teve no mercado de ações.
Para Rodgers a maior prova de que há um grande engano é o fato de Cho viver uma vida simples, num apartamento de 300 metros quadrados, cedido pela igreja. Ele sequer possui um carro e pode comprovar que doou pessoalmente à igreja mais de US$ 170 milhões nos anos que a liderou.
Do outro lado do mundo, em Taiwan, reside Mao Song Chang, pastor da Top Church, localizada em Nova Taipei. Ele também é um velho conhecido de Cho e de sua igreja. Esta semana, Chang veio a público contar que um ancião da igreja de Yoido o procurou recentemente para aconselhamento sobre o caso. Pouco tempo depois, o pastor Lee, que hoje lidera a igreja também o visitou.
Para Chang está havendo um julgamento precipitado. É preciso que se divulgue que, ao saber que a igreja estava entrando com um processo contra Cho, acusando-o de desviar US$ 20 milhões, “o pastor Cho ajoelhou-se diante da congregação e pediu desculpas, admitindo o seu erro e de seu filho, lamentando ter causado danos à igreja”, escreveu.
Em segundo lugar, Chang disse que durante o processo cerca de 1.000 outros líderes da igreja foram ouvidos e testemunharam que Cho é inocente. Apenas 30 dos líderes mais antigos, afirmavam que o pastor estava envolvido. Por fim, ressaltou Chang, o juiz teria feito uma proposta para que Cho acusasse o próprio filho, pois não havia provas para incriminar Cho, contudo Hee-Jun já estava condenado.  A resposta de Cho foi a recusa: “Meu filho pode ter sido injusto comigo, mas eu não posso ser injusto com meu filho”.
No final, ressaltou Chang, a maior prova de que existe algo errado é que, mesmo condenado, Cho não cumprirá pena na cadeia. Ele pediu para pregar e se explicar diante da igreja no último domingo. Em seu sermão, Cho afirmou que o dia mais difícil de seus 50 anos de ministério foi a última quinta-feira, quando ouviu a decisão do tribunal.
“Através desse sofrimento, eu aprendi uma grande lição. Não devemos dedicar tanto tempo procurando por posses… status, fama, autoridade, dinheiro… todas essas coisas podem ser perdidas… Mantenho minha fé em Deus, que justifica os pecadores através de Jesus Cristo. Se Deus me levar, eu ainda poderei entrar para o Reino de Deus”, afirmou Cho.

Bolsonaro perde eleição e petista assume Comissão de Direitos Humanos

Bolsonaro perde eleição e petista assume Comissão de Direitos HumanosBolsonaro perde eleição e petista assume CDHM
Por 10 votos a 8 o deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) perdeu a disputa pela presidência da Comissão de Direitos e Minorias da Câmara (CDHM). A eleição aconteceu na tarde desta quarta-feira (26) dando vitória para o deputado Assis do Couto (PT-PR).
Bolsonaro tentou ser indicado pelo partido para o cargo, mas uma manobra política fez com que o PT voltasse a controlar a CDHM.
Para ser eleito, o deputado do PP apresentou uma declaração do presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) atestando a legitimidade de uma candidatura própria nas comissões.
Bolsonaro tinha o apoio dos parlamentares evangélicos que fazem parte da CDHM, mas os votos não foram suficientes para que ele ocupasse o posto deixado pelo deputado Marco Feliciano (PSC-SP).
Couto é um deputado petista considerado “moderado”. Católico, ele é contra o aborto e a favor do Estatuto do Nascituro, o que não agrada alguns deputados aliados do PT.
“Sou católico, tenho um princípio familiar que é contra o aborto de forma indiscriminada e aberta. No entanto, eu tenho o entendimento que o Estado, que nós temos um problema de saúde pública gravíssimo em torno dessa questão do aborto e que muitas vezes escondemos esse fato atrás de uma questão religiosa”, disse ele.
Entre as propostaçs apresentadas na comissão este ano Couto quer defender o direito humano à alimentação e tratar de outros assuntos como os direitos das pessoas de deficiência e os graves casos de violência doméstica. “Esta é uma comissão aberta ao povo para o cumprimento dessa missão”, afirmou.
Criada em 1995, a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara foi presidida 13 vezes por deputados do PT, três vezes pelo PDT, uma vez pelo PC do B, PPB e PSC. Este último ganhou a comissão por uma escolha do PT que preferiu as comissões de Seguridade Social e Família, Relações Exteriores e Comércio e Constituição e Justia.

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Veja o Vídeo: Edir Macedo defende o aborto como forma da erradicação da pobreza.

Você aceitaria que o seu pastor fosse contra as Escrituras e não defendesse a vida?

Os crentes precisam acordar para o ÓBVIO.

Planos da Nova Ordem Mundial



-Há um poder, uma força ou um grupo de homens organizadando e direcionando as mudanças?

-Tudo está no seu devido lugar e agora ninguém pode nos deter. -as pessoas terão que se acostumar com as mudanças.
-O real e as metas estabelecidas
-Controle da população
-Permissão para ter filhos
-Redirecionar o propósito do sexo
-Contraceptivos universalmente disponíveis para todos
-Educação sexual como ferramenta do governo mundial
-Tecnologia
-Diminuir a importância da família
-Eutanásia e a "pílula da morte"
-Limitação do acesso à medicina
-Planejamento do controle sobre a medicina
-Eliminação de médicos particulares
-Novas doenças difíceis de diagnosticar e de tratar
-Supressão da cura do câncer como um meio de controle populacional
-Induzir ataques do coração como forma de assassinato
-Educação como ferramenta para acelerar o início da puberdade e da evolução
-Misturar todas as religiões, as velhas religiões terão de desaparecer
-Substituição da bíblia através de revisões de palavras-chave
-As igrejas nos ajudarão
-Reestruturação da educação como ferramenta de doutrinação
-Mais tempo na escola, mas não irão aprender nada
-Controle de quem tem acesso à informação
-Escolas como o centro da comunidade
-Alguns livros simplesmente desaparecerão das bibliotecas
-Mudar as leis
-Incentivo ao abuso de drogas para criar uma atmosfera selvagem
-Abuso de álcool
-Restrições às viagens
-Necessidade de mais prisões, e usar hospitais como prisões
-Ausência de segurança
-Crime usado para gerenciar a sociedade
-Redução da preemicência industrial americana
-Mudar populações e economias - arrancando as raízes sociais
-O esporte como ferramenta de mudança social
-Sexo e violência incutidos através do entretenimento
-Restrições de viagem e implantes de identificação
-Controle de alimentos
-Controle do clima
-Saber como as pessoas reagem – fazendo com que façam o que você quer
-Falsificar investigações científicas
-Terrorismo
-Controle financeiro
-Vigilância, implantes, e televisões que te vigiam
-Casa propria - coisa do passado
-A chegada do sistema totalitário global

Jovens da Igreja Universal agridem equipe de reportagem de emissora ligada a Rede Globo

Jovens da Igreja Universal agridem equipe de reportagem de emissora ligada a Rede Globo
Uma equipe de reportagem da TV Tribuna, afiliada da Rede Globo, foi agredida por jovens ligados à Igreja Universal do Reino de Deus em Santos, no último final de semana.
A cidade litorânea sofreu com um temporal no último domingo, 23 de fevereiro, e provocou um acidente que interrompeu um evento promovido pela Força Jovem, projeto da denominação do bispo Edir Macedo voltado aos jovens.
A estrutura montada no Emissário Submarino foi levada pelo vento e algumas pessoas ficaram feridas. A reportagem da emissora foi acionada para cobrir o caso, e foi recebida com hostilidade por jovens que participavam do evento.
Os participantes tentaram intimidar a equipe, obstruindo o trabalho de reportagem. Em determinados momentos, chegaram a tapar as lentes da câmera e afirmavam repetidamente que o evento não poderia ser filmado, assim como os estragos causados pelo vento.
Um dos profissionais contratados para trabalhar no evento contou o que aconteceu com a estrutura: “O vento forte pegou o palco, arrancou as lonas, estrutura caiu, teve gente que se machucou. Teve um banner que voou, estava preso, então, estava puxando o palco. Teve gente que voou lá de cima, teve gente que foi empurrado pelo vento quando a lona estourou”, disse  o técnico de luz Carlos Augusto Correa.
Já Flavio Silva Martins, administrador do Emissário Submarino, local onde o evento foi realizado, afirmou que os organizadores tinham autorização da prefeitura, mas não aceitaram o conselho de encerrar o evento assim que começou a tempestade: “Quando teve a primeira tempestade eu também aconselhei aos organizadores que encerrassem o evento porque a tempestade já tinha acontecido. Acharam que não. Eu também não tenho autoridade pra encerrar o evento”, afirmou.

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Mulher compra brinquedo chinês e encontra carta de funcionário escravo pedindo socorro

Imagem: Reprodução
Em outubro de 2012, Julie Keith, [foto abaixo] uma mãe do Oregon (EUA), enregelou-se: num pacote para Halloween “made in China” que ela comprara na loja Kmart havia uma carta escondida meticulosamente. Grafada num inglês trêmulo, a mensagem [foto ao lado] falava de um cenário de horror. O autor estava preso num campo de trabalho forçado no norte da China, trabalhando 15 horas diárias durante toda a semana sob o látego de desapiedados guardas.

“Se você comprar este produto, por favor, mande esta carta para a Organização Mundial de Direitos Humanos” – leu Julie.“Milhares de pessoas na China, que sofrem a perseguição do Partido Comunista, ficar-lhe-ão gratas para sempre”.
Imagem: Reprodução
Entrementes, o autor – Zhang, 47 – conseguiu sair da fábrica-prisão. Como muitos outros ex-detentos, ele descreveu o universo carcerário socialista marcado por abusos estarrecedores, espancamentos frequentes e privação de sono de prisioneiros acorrentados semanas a fio em posições doloridas. A morte de colegas por suicídio ou doenças fazia parte do pão quotidiano.
Corrobora-o Chen Shenchun, 55, que passou dois anos num desses campos: “Às vezes os guardas puxavam-me pelos cabelos, colavam na minha pele barras ligadas à eletricidade, até que o cheiro de carne queimada enchia a sala”, disse.
A maioria dos escravos-operários de Masanjia foi presa por causa de sua crença. Mas o regime os mistura com prostitutas, drogados e ativistas políticos. As violências se concentram naqueles que se recusam a renegar sua fé.
Imagem: Reprodução
Nem os responsáveis do campo de concentração, nem a Sears Holdings, dona da loja Kmart, quiseram atender pedidos de entrevista. Julie repassou a carta para um órgão governamental americano, mas a administração Obama adota uma atitude de subserviência diante das práticas inumanas chinesas. Por exemplo, um funcionário disse que o esclarecimento deste caso levaria muito tempo. O que equivale mais ou menos dizer que ele nunca será esclarecido.
The New York Times; Instituto Plínio Corrêa de Oliveira

Maior mansão do Brasil é concluída em São Paulo


Após aproximadamente dois anos de construção, a “singela” residência do sócio da Rede 
Maior mansão do Brasil é concluída em São Paulo
Após aproximadamente dois anos de construção, a “singela” residência do sócio da Rede TV Amilcare Dallevo Jr. encontra-se completamente concluída. Com impressionantes 17,8 mil metros quadrados — 1,2 mil apenas da suíte —, a propriedade leva também o título de maior mansão do Brasil. As obras tiveram início no início de 2012, tendo arregimentado um contingente de aproximadamente 300 operários para os arredores da cidade de São Paulo.
As instalações da mansão que Dallevo dividirá com a esposa, a apresentadora Daniela Albuquerque, contam com uma suíte com piscina e heliponto privativos, spa, cinema, hangar para quatro helicópteros e um estacionamento subterrâneo para 50 carros. Isso para não falar em toda uma área inspirada nos Jardins de Luxemburgo. Nada mal. A obra leva a assinatura da GNG Engenharia, do empresário Gutho Galiano.

David Yonggi Cho é condenado por desvio de dinheiro



David Yonggi Cho é condenado por desvio de dinheiroDavid Yonggi Cho é condenado por desvio de dinheiro
O pastor David Yonggi Cho, 78, fundador da Igreja do Evangelho Pleno de Yoido, foi condenado a três anos de prisão na Coreia do Sul.
Maior congregação pentecostal do mundo, ligada a Assembleia de Deus, a igreja coreana já ultrapassa 1 milhão de membros. Desde o ano passado, o pastor emérito vem enfrentando acusações de um suposto esquema financeiro juntamente com seu filho.
Semana passada, o pastor foi condenado por um tribunal de Seul a três anos de cadeia. Ele comprovadamente fazia parte de um esquema em que ele usou dinheiro da igreja para comprar ações de seu filho, Cho Hee-jun. O valor pago era mais de três vezes o preço de mercado, totalizando um desvio de mais de 12 milhões de dólares [R$ 28 mi] em fundos da igreja. Hee-jun, 49, também foi condenado a três anos de prisão.
O Tribunal Distrital Central de Seul, que emitiu a sentença, ordenou que Cho devolvesse a quantia de 4,7 milhões de dólares. Hee-jun foi preso imediatamente, enquanto o pastor conseguiu ter sua pena suspensa por cinco anos por causa da idade.
Os administradores da igreja advertiram o pastor David Cho contra a aquisição das ações a um preço inflacionado, mas o pastor disse que precisava “ajudar o filho”. Ao mesmo tempo, Cho também foi condenado pela evasão de 3,2 milhões de dólares em impostos, noticiou o Christianity Today.
Desde 2006 que a igreja de Yoido havia eleito Lee Young-hoon para substituir Cho como pastor. Ele mantinha apenas o título de pastor emérito, mas tinha muita influência. Ainda restam a ser julgadas outras acusações e desvio de fundos contra o pastor Cho, após denúncias de líderes da igreja. Desde 2011 seu nome está envolvido em investigação de desvio de dinheiro. Estariam envolvidos no esquema mais de 30 líderes, todos afastados. Um deles, Ha Sang-ok veio a público ano passado pedir perdão e contou que desde 1999 participava das fraudes com Cho e reconheceu que esse comportamento “não é cristão”
Fonte : Gospel prime

Presidente interino da Ucrânia é pastor evangélico



Presidente interino da Ucrânia é pastor evangélicoPresidente interino da Ucrânia é pastor evangélico
Enquanto a Ucrânia ainda lamenta seus mortos, o pastor Olexandre Turchinov, foi eleito ontem (23) “presidente interino”. Com a fuga e prisão do ex-presidente Viktor Ianukovitch, Turchinov passou a governar o país, mas já avisa que não pretende se candidatar às eleições presidenciais marcadas para 25 de maio.
Aos 49 anos, ele tem a árdua missão de restaurar uma nação tomada pela violência nos últimos meses. Somente na semana passada, os confrontos deixaram 82 mortos no país, 10 deles das forças de segurança. Além disso, procura aproximar a Ucrânia da União Europeia e afastá-la do domínio russo, principal motivador da crise instalada no país.
Desde o final da década de 1990 ele ocupou diversos cargos políticos. Ex-operário em uma fábrica de aço, Turchinov estudou engenharia e possui pós-graduação em Engenharia Metalúrgica. Paralelo a sua atuação política, ele é um pastor batista ordenado, parte de uma minoria num país onde a maioria da população pertence à Igreja Ortodoxa.
Em 1993, atuou como conselheiro econômico do presidente Leonid Kuchma. No ano seguinte, ajudou a criar o partido Gromada. Mas os escândalos dentro do partido, incluindo denúncias de lavagem de dinheiro o levaram a sair anos depois para criar um novo partido de oposição, o Batkivchtchina (Pátria).
Eleito deputado em 1998, trabalhou muito próximo de Iulia Timochenko, principal figura do partido. Em 2004, ela tornou-se primeira-ministra de um governo pró-ocidental, liderado pelo então presidente Viktor Yushchenko. Nessa época, o pastor Turchinov foi chefe dos serviços secretos ucranianos e entre 2007 e 2010, e posteriormente vice-primeiro-ministro no Governo de Timochenko.
Desde 2011 é um dos principais líderes do seu partido, tendo participado ativamente nas manifestações que tomaram a Ucrânia nos últimos três meses. Em meio aos protestos o país pôde testemunhar uma união de ortodoxos, católicos e evangélicos se unindo em diferentes correntes de oração pela paz no país. Esse foi um fato inédito na história da Ucrânia. A União de Igrejas Evangélicas da Ucrânia emitiu um comunicado onde pede o fim da violência “Sem arrependimento, graça, perdão e reconciliação, o país continuará dividido e em conflito. Esta é a pré-condição para uma profunda transformação espiritual da Ucrânia… Apelamos às igrejas evangélicas da Ucrânia que sirvam para trazer a paz entre as pessoas e curar as feridas da guerra”.
Com informações WNYT e JN.

Naldo deve seguir carreira gospel, diz esposa do cantor



Naldo deve seguir carreira gospel, diz esposa do cantorNaldo vai seguir carreira gospel, diz esposa do cantor
A carreira do funkeiro Naldo Benny pode mudar completamente. A esposa do cantor, Ellen Cardoso, a mulher Moranguinho, disse ao jornal Extra que seu esposo pretende se tornar cantor gospel.
“Esse é um desejo da mãe dele e também meu. Sei que isso vai acabar acontecendo um dia, só não sei quando. As coisas estão encaminhando para isso”, diz ela.
Naldo participou de um show do cantor Thalles Roberto no Barra Music no dia 15 de fevereiro e na semana seguinte foi até Minas Gerais passar uns dias com o cantor evangélico.
Nessa visita ele recebeu uma oração do pastor Job Roberto, pai de Thalles, que profetizou que Naldo será um cantor de Jesus.
Nascido em lar evangélico, Naldo se distanciou da igreja e conseguiu sucesso nacional ao gravar funk com letras sensuais. Por diversas vezes ele chegou a declarar sua crença em Jesus dizendo que não via problemas em cantar letras com fortes referências ao sexo.
Ellen se converteu depois de iniciar o relacionamento com o cantor por intermédio da sogra e tem se distanciado do seu passado de dançarina, tanto que este ano não participará do Carnaval.

Famílias evangélicas tem serviço de água e energia elétrica cortado por se recusarem a contribuir com festas católicas

Famílias evangélicas tem serviço de água e energia elétrica cortado por se recusarem a contribuir com festas católicas
Os evangélicos da região de San Cristobal de las Casas, no estado mexicano de Chiapas, estão sendo perseguidos pela maioria católica por não aceitarem contribuir financeiramente com os custos de festivais católicos.
De acordo com o representante das 25 famílias evangélicas da cidade, suas casas tiveram o fornecimento de energia elétrica e água cortado pelas autoridades municipais.
A cidade fica próxima à fronteira do México com a Guatemala, e a comunidade católica estaria influenciando as autoridades a chantagearem os evangélicos com a interrupção dos serviços públicos.
De acordo com o jornal La Jornada, o representante dos evangélicos Luis Antonio Herrera, afirmou que a falta de água e luz começou no dia 11 de fevereiro. Aaron López Espinosa, um dos moradores afetados, solicitou às autoridades que o serviço fosse restabelecido e teve o pedido negado, além de ser convocado para comparecer a uma reunião onde o assunto seria discutido.
O relato colhido pela imprensa mexicana diz ainda que foi estipulada uma multa aos evangélicos caso eles não comparecessem à reunião, e no dia marcado, guardas foram às casas dos representantes e os impediram de sair, para que a multa fosse aplicada.
As famílias, que são membros da Igreja Evangélica Monte Tabor, também teriam sofrido interrupção dos benefícios de programas sociais do governo. Numa das tentativas de fazer o serviço de água e energia ser retomado, Espinosa estava acompanhado de fiscais da Justiça, e terminou detido pelos guardas juntamente com os fiscais por mais de 24 horas.
Atualmente, os evangélicos planejam ir à Comissão Nacional dos Direitos Humanos (CNDH) e cobrar providências dos políticos contra a perseguição religiosa.

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Pastor Marcos Pereira pode ser solto a qualquer momento, afirma O Globo

Após 6 meses de prisão por estupro, pastor Marcos Pereira será solto, afirma O Globo
Preso desde março de 2013 sob acusação de estupro, o pastor Marcos Pereira, líder da igreja Assembleia de Deus dos Últimos, pode ser solto a qualquer momento.
Segundo o site do jornal O Globo, o pastor foi condenado a 15 anos de prisão pela 2ª Vara Criminal de São João de Meriti e agora irá cumprir sua pena no regime semiaberto.
Recentemente, havia sido negado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) um pedido de habeas Corpus feito pela defesa do pastor. Agora, segundo o jornal, a ordem para libertar o religioso partiu da Vara de Execuções Penais, e acaba de chegar ao Complexo Penitenciário de Bangu.
Segundo a publicação, o pastor pode ganhar a liberdade a qualquer momento.

Renato Gaúcho faz piada com ida do jogador Fred a igreja evangélica: “Sou padre e não estou sabendo”

Renato Gaúcho faz piada com ida do jogador Fred a igreja evangélica: “Sou padre e não estou sabendo”
Durante uma entrevista coletiva na última sexta-feira (21), o técnico do Fluminense, Renato Gaúcho, ironizou a suposta ida do centroavante Fred a uma igreja evangélica.
Quando questionado sobre o comportamento do jogador, que foi visto em um culto da Comunidade Internacional da Zona Sul, localizada no bairro do Flamengo, zona sul do Rio de Janeiro, Renato Gaúcho fez piada com o fato, e afirmou não acreditar na história.
- O Fred frequentando igreja? Sou padre e não estou sabendo! Essa é nova pra mim. Mas cada um faz o que quer. Eu sempre disse para os jogadores, que se dizem atletas de Cristo, que eles fazem a mesma coisa que eu. Então, sou atleta de Cristo também. Mas não acredito nessa história.
O treinador completou afirmando que não tem interesse pela vida pessoal do jogador, e que o que importa é que ele esteja contente e marcando gols pelo time.
- O que importa é que o Fred está feliz. A vida pessoal dele não me interessa. Se ele está se sentindo bem indo à igreja, ótimo. Quero ver o Fred contente e fazendo gols. Assim, ajudará o Fluminense e também o Brasil, se convocado.

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Evangélica, a Miss Brasil 2013, Jakelyne Oliveira, revela que ora sempre que vai subir na passarela

Evangélica, a Miss Brasil 2013, Jakelyne Oliveira, revela que ora sempre que vai subir na passarela
A Miss Brasil 2013, Jakelyne Oliveira, concedeu recentemente uma entrevista ao jornalista João Doria Jr. no programa “Show Business”, e falou se sua trajetória até ser eleita a mulher mais bonita do Brasil. Jakelyne falou também sobre sua relação com a religião. Evangélica, a jovem de 20 anos revela que sempre ora antes de subir na passarela.
Jakelyne, que já foi Miss Mato Grosso e ficou entra as cinco primeiras no concurso de Miss Universo do ano passado, ressaltou a importância de sua fé em sua vida e em sua carreira.
- Eu sou evangélica. As pessoas até perguntam se eu tenho algum tipo de simpatia [superstição] antes de entrar na passarela. Não! É simplesmente colocar o joelho no chão e falar: ‘Senhor, seja feita a tua vontade!’ – afirmou a jovem, que classifica sua fé como algo essencial para se manter firme na carreira de modelo.
- Eu sempre agradeço muito a Deus. Toda a minha vida, todo o meu caminhar eu entrego nas mãos dEle – afirmou, ressaltando que durante o concurso de Miss Brasil colocou seu destino nas mãos de Deus, para que a vontade dEle fosse realizada.
A modelo comentou também sobre seu cotidiano como Miss Brasil, afirmando participar de eventos e visitas a ONGs, fazendo parcerias e atraindo a atenção da população para as causas defendidas por essas instituições. Ela ainda que não ficou chateada por não ter ganhado o prêmio de Miss Universo, onde esteve representado o Brasil.
- Quando eu cheguei no TOP 5, as pessoas perguntaram: ‘você ficou indignada? Chateada?’. Mas eu fui considerada a quinta mulher mais linda do mundo… não tem porque se chatear – afirmou.
Sobre o futuro, a jovem afirmou que após terminar seu mandato como Miss Brasil irá estudar no Núcleo Wolf Maya, com o objetivo de seguir carreira artística.